Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Os Contos da menina-Mulher

Quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto. Estes são os meus pontos sobre saúde, culinária e lifestyle. Aqui toda eu sou vírgulas, reticências e, no extremo, pontos de exclamação ou mesmo um ponto final!

Qui | 12.03.15

Do Sol

O Sol está a levantar-se comigo. Todas as manhãs me "chama" e me motiva mais cedo.

"Cega-me" no caminho para o Metro, acompanha-me com o por-do-sol quando volto para casa.

Permite-me dizer até já aos casacões.

Alegra-me as ruas, mesmo cheia de dores de cabeça, como hoje.

E... ilumina a cidade. Dá-lhe a luz que eu, como gaija do Porto, tanto ouvia falar.

Não sei se foi por falta de tempo, por falta de capacidade. Por falta de vontade.

A verdade é que está quase a fazer um ano (já???) que cá estou... e só agora olho para o Sol e a diferença que ele traz a Lisboa.

Não sou nenhuma louca apologista do Sol todos os dias, a todas as horas. Preciso do nevoeiro de manhã, das nuvens para me lembrar dos muitos tons cinza da vida! Preciso de todos os gradiantes...

Mas aqui entre nós? Agora que reparo no Sol daqui... só consigo pensar em fins-de-semana e campismo. E em dar ao m-R a vida com que ele tanto deve ter sonhado quando nos juntamos.

 

18 comentários

Comentar post