Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Os Contos da menina-Mulher

Quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto. Estes são os meus pontos sobre saúde, culinária e lifestyle. Aqui toda eu sou vírgulas, reticências e, no extremo, pontos de exclamação ou mesmo um ponto final!

Seg | 06.11.23

Deixaste de falar de restaurantes?

m-M
Aqui, sim - para já. Mas no Instagram 80% das minhas fotos são sobre comida ou stories de espaços.   Mas há 3 verdades que devo partilhar: 1. Adoro comida, comer e beber, mas tenho que ter calma ou facilmente me torno obsessiva, para o bem e para o mal. E sim, é fantástico ser contactada e convidada por restaurantes e ter a agenda cheia; mas não é saudável comer a pensar em quanto tempo de exercício tenho que fazer depois para queimar as calorias; 2. Adorava a sensação de (...)
Qui | 02.11.23

Quando a vontade passa…

m-M
Tenho pegada digital desde 2004. Comecei nos fóruns internacionais. Detestava blogs. Em 2008 dei a mão à palmatória e criei o meu primeiro blog. Era bilíngue, muito pessoal. Graças a ele vivi momentos fantásticos e momentos terríveis. Fiz amizades que duram até hoje. No dia em que deixei esse canto para trás, sabia que lá não ia voltar. Mas gosto muito de certos textos e alguns até os partilhei aqui.   Hoje cruzei-me com a conta de Instagram de uma pessoa que conheço (...)
Dom | 22.10.23

A Amália em mim...

m-M
Só vos pode dizer: Obrigada! Obrigada!   Obrigada pela forma com alguns ainda se lembram de mim, como tiveram saudades de mim, do meu feitio, das minhas histórias. Só posso agradecer o carinho, o interesse, as palavras bonitas; num vida que, não escondo é muito mais nublada do que antes.   Cada comentário me fez sorrir, cada comentário me fez pensar "que bom é não estar presa no meu mundinho".   Conforme já puderam perceber, a vida está mesmo diferente deste lado, (...)
Qua | 16.06.21

Tendências verão 2021 | EscapeShoes

m-M
Com dúvidas no que vais encontrar pelas lojas, agora que o calor já chegou? Apesar de ainda me estar a habituar aos dias mais quentes, que eu saio pouco de casa... estou fascinada com as tendências para esta estação, muito porque piscam o olho aos exemplos de que me lembro do final da minha adolescência - aquela idade em que me comecei a apaixonar por calçado.   O regresso das sandálias (...)