Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Os Contos da menina-Mulher

Quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto. Estes são os meus pontos sobre saúde, culinária e lifestyle. Aqui toda eu sou vírgulas, reticências e, no extremo, pontos de exclamação ou mesmo um ponto final!

Ter | 06.03.18

Medo? É uma questão de números...

Estes dias, enquanto a tempestade lá fora "vocifera"... eu apercebi-me de uma coisa e deu-me para rir:

 

O eu com 23 anos adorava trovoadas, tempestades e sempre, sempre sonhou ver um tornado, segui-lo "de perto", mas ao longe, para perceber a beleza destrutiva que os americanos - habituadinhos a eles - apregoam.

Cheguei a sair de casa, ainda no Porto, no meio de dias de vendaval, para ir para locais seguros ver os relâmpagos e contar os Mississipis. Cheguei a ir para a praia apanhar chuvadas e frio - em dias em que a maré estava calma, que eu era maluquita, mas não era doida... para ver a chuva bater no mar.

 

O eu com 32 anos, estes dias, ouve a chuva, o vento, a trovoada (sem relâmpagos.... oooooh!) e só pensa:

  • fechei as janelas?
  • o carro está bem estacionado?
  • o gato tem comida? Será que tem frio?
  • espero que ninguém se tenham lembrado de ignorar a polícia e tenha ido tirar fotos ao mar...

Quando dou conta... rio-me.

Afinal de contas, tudo o que bastou foi "trocar a ordem dos números" da minha idade.