Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Os Contos da menina-Mulher

Quem conta um conto, acrescenta-lhe um ponto... Aqui toda eu sou vírgulas, reticências e, no extremo, pontos de exclamação ou mesmo um ponto final. Parágrafo!

The roof, the roof, the roof is on fire!

Ora expliquem-me lá, que leizinha estranha do Universo, que ironia do Senhor Murphy é esta... que quando os dois colegas do departamento tiram férias, ao mesmo tempo, o raio da "Casa" resolve pegar fogo.

 

E pegar fogo géraú!

Ele é telefones que tocam, pessoal (com latas descomunais) a ligar-me para o meu nº pessoal, parceiros em pulgas quando andam, há semanas!, sem dizer nada; ele é contas sem plafond (e o meu trabalho fica por fazer porque não sou administradora e não tenho acesso ao pilim); ele é pessoas a ligar a pedir para corrigir material feito pela colega que já foi de fim-de-semana...

E campanhas de SMS, e e-mails, e anúncios para lançar, e documentos para inserir...

Tou aqui, oh, assim: (sozinha, até 2ª feira...)

 

Juntem a isto amanhã arrancar all by myself para o Porto, pela noite dentro... (já estou cansada, só de pensar)

 

Hoje estou sem inspiração para vos escrever... e fico mesmo lixada com isso!

 

  • 16 comentários

    Comentar post